terça-feira, 29 de julho de 2014

Organizando a penteadeira #1

Geralmente há sempre algumas coisas que deixamos em cima da penteadeira ou porque não cabem nas gavetas ou porque usamos muito e acaba por ser bem mais prático deixar em cima, uma dessas coisas são os pincéis (apesar de pegarem pó em cima da penteadeira é muitooo mais fácil manté-los ali já que são usados todos os dias), vamos ver algumas ideias de como os arrumar?
Ah, lembrando que as ideias de porta pincéis podem ser adoptadas para lápis de olho e máscara de cílios.

Esta é a que vemos mais vezes, um "copo" de acrílico, umas pedrinhas lá dentro e puff, temos um porta pincéis.
Já nesta, eu não tenho a certeza se ela forrou umas latas ou uns copos, de qualquer das formas encontram esta fita espelhada à venda em lojas tipo o leroy e podem dar um ar chique aos vossos porta-pincéis.


Estes vendem-se nos chineses e custam custar um euro e pouco.


As canecas fofas também são uma óptima opção :D


E por fim aqueles "coisinhos" (não sei como isto se chama) que geralmente servem para arrumar lápis também são óptimos para pincéis.
Também costumam estar à venda no chinês.




E ai, qual destas formas é a vossa preferida?

sábado, 26 de julho de 2014

Boyce Avenue feat. Fifth Harmony cover - When I Was Your Man

"O seu orgulho, o seu ego e as suas necessidades egoístas, fizeram uma mulher forte e boa como eu sair da sua vida... "

quarta-feira, 23 de julho de 2014

No fitness ... no time...

Como devem ter reparado na ultima semana o blog ficou às moscas mas juro que foi por um bom motivo.

Há uns meses atrás apaixonei-me por uma gatinha de rua e comecei a dar lhe comer na tentativa de a conquistar para que ela me deixasse fazer-lhe umas festinhas de vez em quando, o tempo foi passando e aquela gata foi-se revelando um ser absurdamente maravilhoso e muito muito meiguinho, entretanto ficou prenha e fui acompanhando a gestação (que eu só percebi quando ela já estava muito barriguda), os bebes nasceram e quando tinham mais ou menos um mês, ela mostrou-me onde eles estavam.

Nasceram 7 bebes que não podem crescer na rua, 7 bebes que não fizeram nada de mal para não terem direito a uma casa e a um lar. Por isso mesmo decidi que tinha de fazer alguma coisa para os ajudar, não bastava olhar, alimentar e esperar que se safassem sozinhos, decidi que tinha de lhes arranjar uma casa.

E a saga começou a semana passada, apanhei um dos gatinhos e trouxe-o para casa, divulguei-o imensamente e arranjei-lhe um lar, assim que esse foi para uma nova casa lá fui eu buscar outro bebé - que está neste momento a fazer asneiras aqui na sala - e assim espero ir fazendo até os 7 terem arranjando uma casa.

Ora bem, tendo em conta que eu nunca tive gatos e que tenho uma cadela em casa, já dá para ver que o facto de agora ter por aqui um gato bebé mudou completamente a minha rotina, por isso durante a semana passada nem o blog consegui actualizar.
Esta semana as coisas continuam muito loucas, manter o gato e a cadela sem fazerem asneiras não é uma tarefa assim tão fácil - eles adoram-se mas juntos são duas pestes e por isso as actualizações podem ficar um pouco mais lentas, no entanto o que mais se ressentiu foram os treinos, não tenho tido tempo para nada. Espero durante esta semana conseguir organizar-me e encontrar uma rotina que funcione para que possa fazer tudo.

Entretanto se quiserem ver os bebes que estão para adopção, é só irem à página UmDeCadaVez no facebook, espero por vocês lá, cliquem no gosto e divulguem muito os meninos que estão para adopção.
Obrigada e beijooooo.

terça-feira, 15 de julho de 2014

Decorar / reciclar com estilo - #1

Uma maneira fantástica de expor aquelas chávenas bonitas que costumam estar arrumadas a espera de uma oportunidade especial para serem usadas.



Muito fácil de fazer, molduras + fotos = coração.
Acho que visualmente fica lindo mas que é preciso algum cuidado para não ficar demasiado pesado na parede, já vi alguns exemplos em que a parede tem tanta coisa que o próprio coração "morre". Lembrando sempre "menos é mais."



Acho este tãoooo delicioso, dá vontade de ter um assim imediatamente. ahah
Isto a mim parece-me um roupeiro transformado em escritório, papel de parede no fundo, prateleiras, uma secretária, uns pregos nas portas e muito bom gosto.
Não é muito difícil e fica fantástico.



3 portas unidas que fazem uma mesa, acho que fica muito giro para uma casa de campo.
(Eu sou daquelas que acha que o que é demasiado rústico só fica bem em casas de campo/praia.)



E vocês o que acharam das ideias desta semana? Qual foi a vossa favorita?

segunda-feira, 14 de julho de 2014

Fitness #7

Agora que o meu telemóvel voltou (tenho mesmo de fazer um post sobre o assunto) voltaram também as fotos à barriga e os post's dos progressos dos treinos.

Primeiro que tudo tenho que vos confessar que não tenho sido NADA disciplinada, treino hoje e depois fico dois dias sem treinar e anda assim a minha vida mas a culpa não é minha é do calor, ahahah, (claro que é minha.)

Deixei de fazer os meus treinos de corrida - nem sei bem porquê - e só tenho corrido nos fins de semana que vou para a aldeia (adoroooo andar ali rodeada de árvores e ar puro e fresco), quando aos treinos que tenho feito tem sido mais de pesos (aqueles que se colocam nas pernas) para melhorar a definição das pernas e do rabo.

E tenho-vos a dizer algo que não entendo, embora a balança marque uns míseros 47kg (de vez em quando 48) a minha pessoa até gosta bastante de ver as pernas no espelho (deve ser porque começam a ganhar definição), portanto há que continuar a fazer o treino de peso de pernas e tenho de voltar as minhas corridas para ver se aumento a minha capacidade cardíaca, queria tanto acabar o ano a correr 5km mas se continuar feita múmia a coisa não vai acontecer.

Por fim quanto à minha barriga, a coisa tem corrido melhor. Tenho-vos a dizer que nem sempre a definição é tão aparente como nesta foto, acho que também depende daquilo que como no dia , por isso não fiquem ai a "morrer de inveja" de mim, porque ainda estou longe da barriga que quero (quero SEMPRE com a definição totalmente aparente).

E vocês como estão de treinos? BEIJOOOO


domingo, 13 de julho de 2014

"só de mim..."

Dá valor ao que tens hoje, para que amanhã não sejas tu a sentir isto, a sentir que perdeste a única pessoa capaz de te fazer sorrir ao acordar, a única pessoa capaz de te fazer chorar só porque fechou a porta... A única pessoa capaz de te fazer sentir borboletas no estômago, capaz de te dizer que és magnifico mesmo quando te sentes um fiasco...
Dá valor ao que tens hoje, não deixes o tempo passar para finalmente perceberes que a tal era aquela, aquela a quem partiste o coração e não te importaste, aquela que te abriu a porta mil vezes e tu fechaste mil e uma..
Dá valor hoje porque amanhã ela pode ter decidido que não vales o risco, que a tua instabilidade é algo que ela não quer suportar, que não mereces o brilho no olhar que ela tinha sempre que olhava para ti...
Dá valor hoje porque amanhã ela pode não te amar mais...

Eu

sábado, 12 de julho de 2014

D'Black - Sem ar...

"Eu corro para o mar para não lembrar você e o vento me traz o que eu quero esquecer...
Entre os soluços do meu choro eu tento te explicar, nos teus braços é o meu lugar..."

quarta-feira, 9 de julho de 2014

A voz de Carly...

Quando vi este video a primeira coisa que pensei foi "quantas pessoas extremamente inteligentes e capazes não estarão presas em corpos que não conseguem controlar?". Este video é absolutamente fantástico e vale muito a pena ver, como está em inglês e nem toda a gente percebe, vou resumir a história do video.

Uma família normal, uma gravidez de gémeas normal e um nascimento normal, no entanto aos dois anos tornou-se claro que o desenvolvimento de uma das gémeas estava muito atrasado em comparação ao da outra, o diagnóstico? Autismo.
Os pais iniciaram então uma luta pela qualidade de vida da filha, gastaram milhares de dólares em terapia intensiva e recusaram-se a desistir mesmo quando alguém lhes dizia para a internarem ou quando os progressos eram quase inexistentes.
Aos 11 anos Carly (é o nome da criança) ainda não tinha dito uma única palavra e comunicar com ela era quase impossível, os pais estavam aliás convencidos que ela não entendia nada do que lhe era dito porém um dia no meio de uma terapia, Carly foi até ao computador e digitou algumas palavras, a terapeuta ficou estupefacta, o problema é que Carly não queria repetir o gesto para outros terapeutas ou mesmo em casa e teve de ser "subornada" para o fazer, se queria alguma coisa teria de a escrever, se precisava de alguma coisa teria de a escrever e assim aos poucos a criança que todos julgavam que não entendia o mundo que a rodeava revelou-se uma jovem extremamente inteligente.
É desconcertante ler algumas das coisas que esta miúda escreve, ela não controla o corpo, ela não consegue impedir que este tenha movimentos involuntários tais como bater sucessivamente com a cabeça no chão mas ela tem um talento incrível com as palavras...
Actualmente Carly tem um site onde ela escreve, tem twitter onde é possível comunicar com ela, lançou um livro sobre os seus sentimentos e como é viver preso num corpo que não nos obedece e o desespero de não se conseguir dizer aos outros "Eu estou aqui, eu entendo tudo o que tu estás a dizer, eu apenas não o consigo mostrar" e leva a vida o mais normal que o corpo dela deixa, lutando todos os dias para ser um bocadinho mais independente..
Sem dúvida uma enorme lição de vida e - para mim - como já disse em cima uma enorme questão: quantas outras pessoas não estarão "presas" sem conseguirem mostrar o quão maravilhosas são...

 

terça-feira, 8 de julho de 2014

This is who i am...

O mais ou menos a mim nunca me chegou...
Preciso que me tirem o ar, me façam perder o chão, me dêem vontade de chegar ao céu..
Não consigo viver por habito, por jeito, porque sempre é melhor que estar sozinho...
Preciso de perder o fôlego com um olhar, de tremer com um toque, de desejar com um sorriso...
 Não vivo para parecer bem, para agradar os outros.. Vivo para ser feliz e por isso só funciono com o "perdidamente apaixonada" o resto.. é só isso, o resto e não a minha vida...



domingo, 6 de julho de 2014

...

A morte colasse a mim,
os mortos sussurram-me ao ouvido,
o toque frio percorre-me o corpo...
Não consigo fugir aos seus barulhos, à sua tentativa desesperada de comunicar...
Estou num velório, eles estão aqui, finjo apenas que não os sinto...
Mexo-me como se tivesse bichos carpinteiros, não sou a pessoa indicada para os ouvir, nunca fui...
Tenho medo de mortos, os vivos não me incomodam, mas o sussurro aos meus ouvidos de quem não posso ver assusta-me...
Gostava de ter a coragem de enfrentar a "loucura" de frente, falava com eles, indicava-lhes o caminho, resolvia-lhes os dilemas...
Mas não tenho...
Não nasci para isto e é por isso que odeio ir a velórios...

17 Novembro de 2012

quarta-feira, 2 de julho de 2014

Pára, escuta e olha...

Andamos tão atarefados e envolvidos na nossa própria vida que só sabemos uns dos outros quando alguém nos vem dizer "olha trago uma má noticia... a pessoa tal morreu...".. às vezes é preciso parar e olhar para o lado, matar saudades, fazer telefonemas, dar abraços.. deixamos sempre para amanhã, mas o amanhã pode não chegar...


terça-feira, 1 de julho de 2014

Vencedora do sorteio - Kabuki Kitty

Sei que estão todos curiosos para saber quem venceu o sorteio e que todos querem ganhar, infelizmente só um pode levar o prémio para casa :(

E a vencedora foi:


Lembrando que o vencedor é escolhido de forma aleatória pelo rafflecopter.
Infelizmente tive de desqualificar as duas primeiras escolhas, uma vez que tinham apagado a divulgação do sorteio antes do tempo.
No entanto à terceira foi de vez e a Maria que cumpriu todas as regras foi a vencedora.

E quem não ganhou não fique triste, em breve - mesmo em breve - haverá outro sorteio.
Alguém tem alguma sugestão de prémio?

Obrigada a todos os que participaram.