segunda-feira, 21 de março de 2016

Educar não é fácil...

As crianças não nascem ensinadas - por muito que gostasses que isso acontecesse. É normal falharem, caírem, chorarem, fazerem birras, testarem limites.
É normal acordarem as 7 da manhã mesmo que queiras dormir até ao meio dia, é normal que queiram que brinques com elas mesmo quando tens mil coisas do trabalho para resolver, é normal esperarem que sejas a super mulher ou o super homem, és o herói deles e por muito que por vezes seja difícil tens que corresponder a esse papel.
Não podes esperar que uma criança fique quieta em frente à televisão enquanto descansas, aliás deixa-me que te diga que se depois de um dia inteiro longe de ti o teu filho te deixar descansar quieto enquanto fica em frente à televisão é porque se passa algo de muito errado com a vossa relação.
As crianças precisam de brincar, de testar limites, de ouvir não e sim nos momentos adequados para que aprendam a lidar com a frustração e com a satisfação.
As crianças não precisam de telemóveis, nem de tablet's, computadores ou coisas parecidas, as crianças precisam de ti.
Precisam que tu lhes contes uma história para dormir em vez de lhes enfiares um dvd de bonecos para adormecerem, precisam que tu te sentes com elas no chão a fazer um puzzle em vez de lhes dares um tablet para a mão enquanto tu falas no whatsapp com os teus amigos. As crianças precisam que tu lhes ralhes quando fazem disparates mas não que tu lhes grites de 5 em 5 minutos só porque estão a ser crianças.
As crianças precisam de comer sopa mesmo que dê muito trabalho fazer uma nova a cada 3 dias, precisam de comer legumes mesmo que não gostem de brócolos, precisam de comer fruta mesmo que prefiram gelados e precisam de beber água em vez de quinhentos quilos de açúcar num refrigerante mesmo que isso implica que tenhas que beber água também.

Ser mãe/ pai não é pêra doce e nunca serás perfeita(o) por mais que tentes, mas tens que perceber que as crianças aprendem pelo exemplo, és tu que as ensinas, és tu o responsável por fazeres delas o adulto que gostarias que fossem, não podes esperar que o teu filho corra para te contar o dia se sempre que o tenta fazer tu o mandas ver televisão porque tens de trabalhar, ou que te peça ajuda para resolver um problema se nem tens tempo para o ajudar a montar as peças de um puzzle. Não podes esperar que seja saudável se deixas que o cansaço te vença na hora de lhes fazer refeições saudáveis e não podes esperar que te respeite se cada vez que lhe queres ensinar que algo está errado o faças aos berros.
Medo não é respeito.

Já te disse que lhe deves ralhar quando faz disparates e dizer que não sempre que for necessário mas não precisas de o fazer aos berros, puxa-o para ti, abraça-o e conversa com ele, explica-lhe porque aquilo é errado e quais as consequências daquela acção. As crianças são crianças mas não são burras e aprendem mais rapidamente se lhes explicares uma coisa por a + b do que se lhes gritares que só fazem disparates e que estás cansada disso tudo...

Então:
Grita menos,
Abraça mais.
Critica menos,
Entende mais.
Exige menos.
Dá mais.

As crianças dão trabalho mas não há nada melhor no mundo ;)


12 comentários:

  1. Excelente post e excelentes conselhos!

    Beijinhos e Boa Semana ♥
    http://lovingmypinkbubble.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Que texto fantástico! Espero ter isto em mente quando for mãe!

    R: Olha querida eu ainda não sei muito acerca de preços, pois foi uma loja que conheci ainda há não muito tempo. Mas pareceu-me que praticam preços razoáveis, tendo em conta que não vendem apenas poliesteres, mas sim algodões, lãs, etc... Lembro-me de ver lá uns algodões estampados, mesmo bonitos, que pensei que teria que ir lá comprar noutro dia por não serem caros, mas já não me lembro quanto era o metro :/

    ResponderEliminar
  3. Concordo plenamente.
    Na minha opinião quando dizem "ai a juventude de hoje em dia é uma desgraça" é perfeita idiotice. Até pode ser má mas a culpa é do pais que não querem ter trabalho e se acomodam, deixam andar. Depois, quando se apercebem do mal, é tarde demais.

    ResponderEliminar
  4. Gostei muito deste post. É muito verdadeiro e, de facto, faz-nos pensar se estamos preparados para ser pais. Se temos disponibilidade para eles. Acredito que há uma altura indicada para tudo e que se deve reflectir muito bem antes desse passo. De resto, são conselhos muito úteis para quem já tem filhos :)

    beijinhos
    www.luz-e-poeira.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  5. Bons conselhos e dicas.
    http://retromaggie.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  6. Excelente post. Tenho muito medo de quando tiver um filho não conseguir educa-lo corretamente.
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

    ResponderEliminar
  7. R: Ahah, sim. Também é muito bom :)

    ResponderEliminar
  8. Tens toda a razão, atualmente com as tecnologias os pais desleixam-se muito na educação das crianças. E não haverá melhor maneira de descansar do stress do trabalho do que brincar um bocadinho com elas? :) Só pretendo ter filhos quando tiver estabilidade financeira para tal, mas uma coisa que prometi a mim mesma foi nunca descurar a educação deles

    ResponderEliminar
  9. Excelente post! Uma vez eu li uma frase que é a mais pura verdade: nós somos adultos pra sempre, eles são crianças apenas uma vez!
    Já tem post novo no blog. Beijooos!

    Blog | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  10. Gostei muito do post, "abre" os olhos para a realidade de educar querida :D
    Beijinhos Jasmim ** | Blog da Jasmim | Fan Page Facebook - New | Instagram

    ResponderEliminar